DJ Andy Hunter lança álbum chamado “Colour” no Brasil

2

O DJ cristão Andy Hunter lançou no Brasil CD chamado “Colour”. Aqui no país lançado pela BV Films, “Colour” foi criado em estúdio em um dos momentos mais agitados da vida de Andy – entre apresentações solo e sua turnê junto de um dos DJs mais conhecidos do mundo, Tiësto.

Andy foi o responsável por trilhas sonoras importantes, que criaram um pano de fundo para a criação de “Colour”. Entre elas está o trailer de “Matrix: Reloaded”, “The Italian Job”, “Alias”, além de anúncios publicitários da Microsoft e trilha de games como “Black Hawn Down”, “Burnout Revenge”, “Need For Speed Underground” e “Enter the Matrix”.

Sobre o trabalho, Andy Hunter fala: “Eu acho que Colour é muito mais desenvolvido do que os álbuns anteriores. Eu fiz este álbum como um artista e não apenas como um DJ, o que realmente gostei. Claro que há ainda muitos momentos para a pista de dança e nós vamos fazer remixes únicos para atender às necessidades dos DJs, mas eu também queria me concentrar para fazer um grande álbum para ser ouvido em casa ou no carro. Colour ainda está embalado com algumas batidas de sucesso e canções de Andy Hunter, mas também canções com mais melodia e base lírica. Quando atuo como DJ, tento escolher músicas que eu acho que são fantásticas, mas depois de 14 minutos, até mesmo a trilha mais atraente pode me desgastar. Em Colour, pretendo fazer com que as pessoas fiquem descontraídas e relaxem, assim sinto como se tivesse realizado um pouco mais da diversidade que não está presa em apenas um gênero ou num ciclo repetitivo.”

Além das inovações no som, Andy inova inserindo mais letras nas músicas – letras de cunho evangelístico e sócio-consciente. “A palavra cor de Colour evoca muitas imagens visuais e quase todas as músicas dizem respeito a uma cor em algum ponto. A canção ‘Stars’, é baseada em torno do laranja e as luzes da rua que eu vejo quando olho para fora da minha casa sobre a baía de Nice. Ouça, por exemplo, a canção como ‘System Error’, que não tem muitas letras, mas está baseada de verdade no verde e no meio ambiente. Eu fiz um sample com a voz do meu filho dizendo: ‘Este é o meu futuro’, e espero que isso faça as pessoas pensarem que a forma como lidamos com o mundo de hoje realmente afeta nossos filhos e filhas no futuro. Certamente não estou fazendo tudo que posso, especialmente por voar em aviões por todo o mundo, mas agora eu me sinto culpado cada vez que joguei uma garrafa no lixo, em vez de reciclá-la. Dois anos atrás eu nem sequer pensava nisso, mas depois ao me tornar pai, isso se tornou cada vez mais um problema.”, afirmou Hunter.

A paternidade recente de Andy Hunter o inspirou não só a falar em “Miracle” sobre o nascimento de um bebê, mas também em “Together” sobre o compromisso vitalício do casamento.

“Todas essas áreas da vida ajudaram minha criatividade, mas acho que escrever letras desta forma ajuda a compreender mais as relações. Você não pode realmente colocar em palavras o quão forte você se sente sobre o amor que você tem para seus filhos, mas você pode usar esses sentimentos para lhe ajudar a escrever e trazer o sentimento à música. No final do dia, eu estarei apenas vivendo a vida sendo eu mesmo e não estou preocupado com o que as pessoas pensam sobre isso. Se digo algo que não é muito maneiro dentro de uma determinada cena, eu realmente não me importo. Quando eu escrevo músicas, eu procuro amar cada nota que coloquei no CD. Em Colour, podemos perder um pouco os fãs que estão esperando um álbum repleto de mixagens de DJs, mas espero ganhar um monte de fãs novos que estão dentro desta diversidade que este disco joga na mesa.”, fala Andy Hunter.

Fonte: Gospel+
Com informações e citações fornecidas pela BV Films


2 COMENTÁRIOS

  1. Qual a novidade? Até onde sei, Colour é um lançamento de 2008! #oldnews

    [Caro João, A novidade é o lançamento no Brasil! – Att., Shaiala]

Deixe uma resposta