Capa

Michael Sweet deixa a banda Boston e declara que “Stryper não é uma banda religiosa”

Comments (10)
  1. a disse:

    “Não temos a ver com religião. Não apoiamos religião. Apoiamos Deus e sua palavra. Não apoiamos religião. Religião, infelizmente, separa e confunde as pessoas, você sabe. Não somos uma banda religiosa.”

    Deus não precisa do apoio de vocês! Vocês é que precisam da misericórdia de Deus! E vocês só podem buscar a Deus por intermédio de Cristo, o Filho! Daí dizer que vocês não têm religião, é mentira. Toda e qualquer crença já é uma religião. Até o ateísmo no sentido último, é uma religião! Me poupe! Uns cabras velhos falando bobagens…aff

    Vergonha de dizerem que são cristãos? Pelo o texto, parece que essa banda quer os aplausos do mundo, tanto que não querem ser identificados como “religiosos”. Se alegram com o fato de um ex integrante do Marilyn Manson se dizer fã do Stryper. LOL!

    1. Kenny disse:

      É por causa de pessoas com esse tipo de convicção que vc tem que o mundo já viu coisas como a “santa” inquisição e todo tipo de bizarrice em nome de Deus. Cuidado, sua incapacidade de entender um simples texto como esse pode torná-lo algo que vc não quer se tornar.
      Tanto que se eu te disser que Jesus não era religioso é capaz de vc simplesmente apontar pra mim a tua indignação, sem sequer refletir no que essas palavras significam.
      Se liga, pessoa. ;)

      1. a disse:

        CRISTIANISMO. Essa é a única e verdadeira religião (do latim: religare, significando religação com o divino]. Todas as outras são religiões falsas. Dá pra entender isso?
        Você vem me citar a inquisição? Dê-me um chá mate bem gelado! Desde quando o catolicismo é cristianismo? Nunca foi e nunca será! Você já viu algum cristão verdadeiro matando em nome de Deus? Cristãos não matam em nome de Deus, eles morrem pelo o nome de Deus!

        Por favor, não confunda a única e verdadeira religião com as falsas religiões. Senão você vai continuar com esse pensamento ridículo sobre o que é religião.
        Jesus não era religioso (espero que você não confunda “religioso” com “religiosidade”) porque Ele é o próprio Deus! Ele não precisa se religar ao divino. Nós é quem precisamos. A partir do momento que O seguimos, estamos religados a Deus – somos cristãos! Amigo, isso é básico.

        Não caia nesse ensino liberal de “sigo Jesus mas não sou cristão”.
        Também não estou dizendo que a religião é maior que Jesus. De maneira alguma. O que estou falando aqui é que o cristianismo de fato é religião, a verdadeira!

        Mais uma coisa: as falsas religiões não anulam a verdadeira. Nem os falsos cristãos podem anular os verdadeiros cristãos. Cristianismo sempre foi e sempre será aquilo que ela é, independente de você querer ou não. Isso é claro ^^

        Abç!

        1. Léllison disse:

          Olha”a”,você falou turo,realmente a verdade é essa.
          Muitos querem colocar melhoras no cristianismo como se ele fosse como as religiões de homens,outros querem se bancar os independentes e anti-religiosos,mas estão na verdade sem Deus,e até se orgulham do seu ponto de vista.
          O que você disse é a pura relidade,as pessoas dizem não querer religião,mas na verdade nem sabe o que é religião.

    2. João Filippe disse:

      A Religião é a tentativa da carne de se relacionar com Deus.

    3. Jen disse:

      Sendo que no final da entrevista Michael Sweet fala que ora com o pessoal no ônibus e tudo mais… preste atenção na leitura e não julgue para não ser julgado…

    4. Allison Luis disse:

      Jesus nunca pregou religião. Ele pregava amor e vida. Jesus não é religião, é salvação. O Caminho a Verdade e a Vida.
      Religiosidade só serve para aprisionar o homem.
      Sigamos a Jesus e seus ensinamentos. A Palavra de Deus e o Esírito Santo nos guiam.
      Sim para Jesus! Não para a religiosidade hipócrita!

  2. samuel silva disse:

    falar de religião hj é mto complicado, pq estamos em um tempo que cada um quer fazer o que achar melhor, principalmente em nome de Deus, e sem ter quase nenhum conhecimento da Biblia.
    Simplesmente creêm, mas sem base de conhecimento desse Deus no qual crê. Então acredito que dar Biblias nos shows é uma das melhores maneiras de dizer que Deus não está diretamente na religião, mas Deus está no coração daqueles que querem conhecê-lo.

  3. Alysson Farias disse:

    Teorias, nomenclaturas e significados de palavras criadas por homem, muitas vezes para afirmar que suas ideologias são, de fato, verdadeiras. A religião, independente de qual seja, pode vir a cegar o homem e aliená-lo. Vamos deixar de gerrinha de religião. O que precisamos é amar a Deus acima de todas as coisas e amar o próximo, sem esquecer de difundir esse amor e a maravilha que ele provoca em nossas vidas, o mais o Espirito Santo fará. A credito nos ensinamentos de Jesus Cristo e não sou adepto de nenhuma religião.

  4. Andre disse:

    O título dessa mensagem foi escrito para criar discórdia. É só ler a reportagem que logo se entende que não é bem assim não. A tradução está péssima também.
    Me desculpem, mas tentem agir com amor quando forem divulgar informações. A verdade sempre, sem omitir e sem exagerar.

    1. ulysses disse:

      concordo plenamente

  5. Cris Reis disse:

    A GORA PRA COMPLETAR O DISCURSO RELIGIOSO DE VOCÊS,, CADA UM PEGA UM ARMA E SAI MATANDO O OUTRO, POR QUE É ISSO QUE RELIGIOSOS FAZEM KKKKK" O SENHOR É MEU PASTOR E NADA ME FALTARA DEITAR ME FAZ NO SANGUE DE INOCENTES, E PELO SEU NOME MATAREI MILHARES". E QUE SEJA CADA UM POR SI E DEUS POR NINGUÉM KKKKKK ISSO É RELIGIÃO!OBS ISSO NÃO TEM NADA A VER COM DEUS.

Deixe uma resposta

Tudo sobre a música gospel nacional e internacional, clipes, lançamentos, programas de TV e as mais diversas novidades do meio.

Aqui, você encontra informações sobre artistas consagrados, independentes, downloads de música gospel legalizado e muito mais!

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.